O Pornographo - um blog que não sai do corpo (fund. 2005)
sexta-feira, outubro 27
  [119] Nada é o que parece
Desenganai-vos se pensais que o facto de viver sozinho vos permite ressonar sem sofrer as impertinências de terceiros. Na semana passada, as colegas aqui do escritório apresentaram-me um abaixo-assinado informal (quer dizer, sem papéis, tudo assinado de língua) onde diziam que me tinham marcado um roncopata.
Eu, prestimoso, alinhei logo, na convicção serena de que se tratava de uma batida ao javali. Mesmo sem espingarda, conheço as maravilhas de que o meu canivete suíço é capaz.
Só percebi que me queriam tolher o ressonanço quando cheguei ao endereço indicado, em pleno centro da cidade.
Queriam-me a dormir lá uma noite, e, ao fim de escassas duas horas, chegámos a um acordo satisfatório para ambas as partes: era importante, para o teste, que eu tivesse uma noite normal antes de sucumbir aos braços de Morfeu. Puseram-me num quarto insonorizado, sem gente à volta, com um monitor 21" (mas tive de levar a minha própria garrafinha de irish).
Pois não é que hoje, na consulta de "análise" dos meus resultados roncopáticos, o prático me começa a falar dos meus "seios nasais"? SEIOS NASAIS?! Vivo eu, há mais de quatro décadas, a tirar escarafunchosamente catotas do nariz e nunca dei com tal coisa? E, mais importante do que tudo, haverá mamilos nasais? E qual é o risco de um estado de excitação sexual conduzir à tumefacção dos mamilos nasais e um gajo asfixiar? Hã?
Enfim, perguntei ao prático se não era possível produzir uma imagem dos meus seios nasais. Ele assentiu, sem problema - até ao momento em que eu sugeri que fosse num dia de Inverno, porque gosto deles arrepiadinhos.
 
sábado, outubro 21
  [118] Criptolhões
Todas os dias, ao longo do ano inteiro, procuro interpretar as mensagens que o calendário digital da parede do escritório me tenta fazer chegar.
Ontem, por exemplo: SEX 20 OUT. Pareceu-me que havia bons indícios de uma orgia ao ar livre. No fim da noite percebi que significava apenas: seduzir uma moçoila de 20 anos está completamente fora de questão.
Novembro, que aí vem, também traz muita esperança. Quando chegar a SEX 03 NOV, acreditarei que foram admitidas 3 noviças no convento onde dou assistência técnica. Sempre esperando que não suceda algo de semelhante ao ano passado, naquela célebre QUI 27 NOV: em vez da ansiada quibanda de 27 noviças, tudo se resumiu a provar um Quinta do Noval 1927, com grissini rançosos, em casa do meu vizinho gágá, celibatário e incontinente.
Todos os dias e meses têm suas promessas e decepções. Lembro particularmente aquela vez em que o calendário avariou e, quando cheguei ao escritório na segunda feira, ainda mostrava DOM 24 JUL. Vi ali, imediatamente, um conselho para procurar uma domina na 24 de Julho. Engano total e absoluto: à sua maneira, o calendário queria apenas avisar-me de que a chata do nº 24 viria oferecer-me uma das suas insuportáveis e fedorentas julianas de legumes.
Ou então a terrível premonição da SEG 02 FEV, onde li uma indicação nítida para segurar, com minhas próprias mãos, as duas fêveras imensas que a Natalina da cantina ostenta no fundo das costas. Para além de encaixar um bofetão ribombante, ainda tive que recusar o convite do meu canalizador para participar, nesse mesmo dia, numa matança do porco.
Mas enfim, como dizia Sebastião da Gama, é pelo sonho que vamos, e espero que no próximo ano ocorra a cifra mágica: SEX 01 ABR.
 
sexta-feira, outubro 20
  [117] The Pornographer raves on (2)
Enquanto esperais pelo próximo post, de-leitai-vos com o que já estava prometido há mais de um ano: gitchie gitchie ya-ya da-da!

 
sexta-feira, outubro 13
  [116] The Pornographer raves on
Considering that more than 90% of our visitors come from English-speaking blogs (mainly from the fluffy-siameselicious-blogs), I might as well start writing some posts in English. Anyway, no one is a prophet in his own country, is he?
Can I have an amen?
 
quinta-feira, outubro 12
  [115] A interrupção segue dentro de momentos
Uma aparição relâmpago, só para dizer que se este blog fosse bom, e tivesse uma fotografia no cabeçalho, esta seria uma fortíssima candidata (Autor: D. Brian Nelson, via fluffy flippancies).
Assim, sim.
 
  • "Não digais: «Dá três sem a tirar». Dizei: «É um simplório»" (Pierre Louÿs, Manual de Civilidade para Meninas)
  • "«Irei pelos penhascos» - disse ele, saindo da gruta" (Lobsang Rampa, O Eremita)
  • "This time we go sublime" (Frankie Goes to Hollywood)
  • APRESENTAÇÃO
    EU É QUE SOU O PORNOGRAPHO
    100 nada
    A Causa Foi Modificada
    A funda São
    A Loira Não Gosta de Mim
    A Natureza do Mal
    Albergue dos Danados
    Almocreve das Petas
    Anarca, aka Ganda Cavaleiro Pornographico
    Avatares de um Desejo
    Azul Cobalto
    ...Blogo Existo
    Bombyx-Mori
    Chez Maria
    Cocanha
    Diário da República
    Estes Momentos
    FFFamel ZZZundap
    fazdeconta
    fluffy Lychees
    Frangos para Fora
    Impertinências
    Lida Insana
    Lugar Comum
    Mar Salgado
    Marretas
    Maus Fí­gados
    Memória Virtual
    Metroplinetida I
    Metroplinetida II
    Núcleo Duro
    O Meu Pipi
    Quase em Português
    Quatro Caminhos
    Sala Oval
    Sem Pénis nem Inveja
    Sexo Sem Nexo
    Solvstäg
    Teste de Limites
    Um Amor Atrevido
    Uma Sandes de Atum
    Voz do Deserto
    Xupacabras
    ARCHIVES
    07/05 / 08/05 / 09/05 / 10/05 / 11/05 / 12/05 / 01/06 / 02/06 / 03/06 / 04/06 / 05/06 / 06/06 / 07/06 / 08/06 / 09/06 / 10/06 / 11/06 / 12/06 / 01/07 / 02/07 / 03/07 / 04/07 / 05/07 / 06/07 / 07/07 / 09/07 / 10/07 / 12/07 / 01/08 / 02/08 / 08/08 / 10/08 / 02/09 / 06/10 / 02/11 / 11/11 / 06/17 /


    Powered by Blogger